Fórum brasileiro e Ponto de encontro para interessados na arte Bonsai. Dicas, experiências, novidades e muita informação para novatos e amantes da arte Bonsai.
 
InícioCalendárioFAQBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» 09/05/14 Amigos poda da amoreira
Sex Maio 09, 2014 11:39 am por Neto

» Olá amigos
Sex Maio 09, 2014 11:36 am por Neto

» Inicio de uma Pimenteira
Sex Set 14, 2012 9:07 pm por giu.scorza

» Primeiro Contato com a Arte do Bonsai
Sex Set 14, 2012 8:50 pm por giu.scorza

» Piuco
Sab Jul 14, 2012 12:12 am por Guto

» Ajuda para iniciante
Sab Jul 14, 2012 12:07 am por Guto

Navegação

 Índice
 Membros
 Perfil
 Buscar

Blog Espaço Bonsai ♣ Guto Bonsai

Parceiros
 
 

Compartilhe | 
 

 Brazilian Rain Tree,Tataré, Jacaré, Angico, Jurema

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Ramirokosam
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 16
Participação : 50
Reputação : 1
Data de inscrição : 06/07/2010
Idade : 32
Localização : Guarapari

MensagemAssunto: Brazilian Rain Tree,Tataré, Jacaré, Angico, Jurema   Sex Jul 09, 2010 4:57 pm

Pithecellobium tortum







Nome Popular: Tataré, Jacaré, Angico, Jurema

Nome Científico: Pithecolobium tortum

Origem: Brasil

Ambiente: Planta de exterior. Gosta de bastante sol, e de locais bem arejados. É recomendável, entretanto, protegê-la do sol excessivo, com uma tela de sombrite ou algo do tipo.

Características: Árvore com bastante espinhos, nativa do Brasil. Tronco e galhos possuem uma coloração verde no início e depois mudam para um tom de cinza, fazendo com que ela fique com um visual bem antigo em pouco tempo. Pode chegar a medir até 12 metros de altura. Possui folhas compostas, que se fecham à noite, ou quando sofrem uma grande perda hídrica.

Adubação: Prefira um adubo líquido. Durante a estação de crescimento (Primavera/Verão), adube a cada quinze dias e, mensalmente, nos outros períodos (Outono/Inverno).

Rega: Constante nas estações quentes e moderada durante o Inverno, de maneira que o substrato permaneça sempre úmido.

Poda: Esta planta aceita bem as podas de educação, elimine os galhos compridos demais para manter o estilo bem definido. Podando o galho, um pouco acima das folhas, irá ajudar no surgimento de novas brotações na mesma direção das folhas ainda restantes no galho.

Solo: O solo ideal para esta espécie deve possuir boa drenagem, com pelo menos 30% – 40% de pedriscos de 2 a 3 mm.

Transplante: Faça o transplante desta espécie a cada dois anos, e durante este processo, você pode eliminar metade das raízes. Em regiões com estações bem definidas, opte por fazer o transplante no início da primavera, em outras regiões, procure uma época onde o clima não seja extremamente seco e quente.

Aramação: Muito cuidado ao se aramar um Pithecolobium, pois essa espécie cresce muito rápido, e os arames podem acabar marcando o tronco/galho. Uma alternativa é usar a tração para direcionar os galhos.

Dicas: Você pode direcionar os ramos de um Pithecolobium apenas usando a poda de educação, mantendo a planta compacta e com bastante massa foliar. Esta é uma espécie que permite a estilização de um bonsai sem a necessidade de arames, apenas com uma tesoura você pode modelar a sua planta e deixá-la da forma que desejar, lembre-se que sempre que você fizer uma poda, um pouco mais abaixo do local onde você cortou, a planta irá, na maioria dos casos, bifurcar a sua brotação. Com esse pensamento em mente, planeje suas podas e forme seu bonsai sem o uso de arames, sua planta irá crescer mais rápido e mais vigorosamente.
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Brazilian Rain Tree,Tataré, Jacaré, Angico, Jurema
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
ESPAÇO BONSAI - Inicio :: PRÉ-BONSAI ♣ EXPERIÊNCIAS ♣ TENTATIVAS :: AJUDA - IDENTIFICAÇÃO DE ESPÉCIES-
Ir para: